Portal de Aquidauana

Seja bem vindo,

Cota��o
Aquidauana

Habitação e esgoto concentram os maiores recursos do Governo em Anastácio

Publicado em 12/10/2020 Editoria: Infraestrutura


Investimentos em habitação ultrapassam os R$ 43 milhões: 860 moradias entregues em 2015-2019
 
Com um dos maiores investimentos em saneamento básico em cidades com menos de 30 mil habitantes – R$ 14,4 milhões -, o Governo do Estado projeto para Anastácio 100% de cobertura de esgotamento sanitário em três anos. Será uma das primeiras cidades de Mato Grosso do Sul a atingir a universalização que o Estado busca com o projeto da Parceria-Público-Privada da Sanesul, que prevê a captação de R$ 3,5 bilhões para atender aos 79 municípios.
 
Em Anastácio, cidade localizada na margem esquerda do Rio Aquidauana, a Sanesul já atingiu a meta de 100% no fornecimento de água potável para a população. Em julho deste ano, o secretário Eduardo Riedel, da Segov (secretaria estadual de Governo e Gestão Estratégica), representando o governador Reinaldo Azambuja, entregou a obra da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), onde foram aplicados R$ 6,6 milhões em recursos próprios e da Funasa.
 
O governador Reinaldo Azambuja destacou a importância do saneamento para levar saúde à população. "Quanto mais investir em esgotamento sanitário, melhor qualidade de vida terão as pessoas. Muito político não gosta de investir em rede de esgoto porque a Estação de Tratamento fica longe, você faz a obra e enterra o tubo, mas a cada real que a gente investe em saneamento, economiza cinco reais na saúde da população”, afirmou o governador.
 
 
ETE já em operação: Sanesul gera obras de abastecimento de água e esgoto tratado no valor de R$ 14,3 milhões
No período de cinco anos e oito meses, o maior volume de investimentos do Estado no município foi canalizado para o setor habitacional – R$ 43,4 milhões -, por meio de articulações da Agehab (Agência Estadual de Habitação) junto à Caixa Econômica Federal. Foram construídas e entregues 860 unidades – Jardim Independência I e II e Residencial Cristo Rei -, com contrapartida financeira do Estado no valor de R$ 2,7 milhões.
 
Gestão diferenciada
 
A ETE de Anastácio tem capacidade de tratar 20 mil litros de esgoto bruto por segundo. A obra entregue inclui 4,8 quilômetros de rede coletora, 200 ligações domiciliares, duas estações elevatórias e 2,3 quilômetros de linha de recalque. A Sanesul já deu ordem de serviço para a execução de 23,2 quilômetros de rede coletora e 1.386 ligações, pelo Programa Avançar Cidades, com investimentos de R$ 5,2 milhões. Estão previstos mais R$ 1,2 milhão numa segunda etapa.
 
O prefeito de Anastácio, Nildo Alves de Albres afirmou que o investimento público em sistema de coleta e tratamento de esgoto dá mais qualidade de vida à população e destacou os avanços em seu município. "Com gestão diferenciada e municipalista, o governador Reinaldo Azambuja torna realidade esses projetos que refletem diretamente na saúde das pessoas, nos contemplando com um pacote de obras que atende aos anseios da população”, disse.
 
Complementando a área de infraestrutura, o Estado investe R$ 27,6 milhões no município no setor viário, incluindo uma das obras solicitadas pelas lideranças locais dentro do Programa Governo Presente: a ponte de concreto sobre o Rio Ribeirão Taquarussu, na MS-170, ao custo de R$ 1,9 milhão. A edificação em execução substituirá ponte de madeira de 70m e atende aos produtores do Assentamento Paulista, garantindo tráfego com mais segurança.
 
Os investimentos globais do Governo do Estado em Anastácio no período 2015-2020 somam R$ 96,6 milhões, incluindo R$ 6,8 milhões em saúde e R$ 4 milhões em educação. No setor viário, diversas ruas e avenidas foram pavimentadas e recapeadas, dentre as quais a Avenida Manoel Murtinho, considerada o cartão de visitas da cidade. O Governo Presente prevê novas obras, incluindo a segunda etapa do acesso ao frigorífico local, ao custo de R$ 4,4 milhões.
 


› FONTE: Portal MS