Portal de Aquidauana

Seja bem vindo,

Cota��o
Aquidauana

Com 97% das doses aplicadas, MS continua no ranking da OPAS

Publicado em 19/07/2021 Editoria: Sade


Mato Grosso do Sul segue na liderança entre os estados que apresenta o maior percentual de doses contra a Covid-19 aplicadas do país, conforme relatório da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) divulgado nesta segunda-feira (19.7). O levantamento destaca que das 2.173.950 doses recebidas do Ministério da Saúde, até o dia 15 de junho, 2.115.562 doses foram aplicadas no Estado. O índice de aproveitamento de doses utilizadas foi de 97% deixando o Estado acima da média nacional de 79%.
 
O Secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, destaca que os números refletem os esforços do governo do Estado junto com os municípios para garantir a imunização da população do Mato Grosso do Sul. “Continuamos sendo exemplo para o país. A grande quantidade de doses aplicadas reflete o nosso trabalho árduo em vacinar os sul-mato-grossenses”.
 
Segundo a OPAS, Mato Grosso do Sul, juntamente com Rio Grande do Sul e Pará, apresentam os maiores percentuais de população alvo vacinada com a segunda dose ou dose única.
 
O levantamento da OPAS ainda aponta que Mato Grosso do Sul registrou até 18 de julho, 64% da população alvo acima de 18 anos com a primeira dose mantendo o primeiro lugar na listagem. E também ocupa a ponta de destaque para a segunda dose com 40% da população alvo vacinada contra a covid-19.
 
Apoio da OPAS
 
Desde o início da pandemia, a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) tem sido parceira de Mato Grosso do Sul e vem acompanhando as políticas de enfrentamento à Covid-19.
 
Em 18 de junho, a OPAS classificou as ações desenvolvidas pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), como positivas.
 
Os técnicos da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) destacaram a adoção de Mato Grosso do Sul de medidas não farmacológica como o uso de máscara e o distanciamento social. Segundo a OPAS, o Estado avança no aproveitamento de doses utilizadas de vacina e no mapeamento genômico tornando-se referência para o país.
 
Os representantes da OPAS elegeram o estabelecimento do Comitê Multidisciplinar - que envolve vários setores do governo quanto dos municípios –como ponto essencial para o enfrentamento à pandemia.
 


› FONTE: Portal MS